Da gravidez ao nascimento em 95s

Lindo, lindo, lindo.

Como desacreditar no amor?

Anúncios

E a União Europeia vai bem, né?

Uma propaganda veiculada na União Europeia foi retirada do ar após gerar protestos e reações negativas. O comercial foi acusado de promover estereótipos, xenofobia e até racismo. O roteiro mostra uma mulher branca vestida como a personagem principal do filme kill Bill , usando um uniforme nas coresamarelo e azul (as cores da UE).

Três lutadores: um de kung fu, um de capoeira e outro de kalaripayattu, arte macial indiana invadem o galpão e ela se sente ameaçada. Nenhuma palavra é dita, mas as referências a China, Brasil e Índia são claras (com direito a samba na entrada do Brasil).

Sob o slogan ‘The more we are, the stronger we are” (“Quanto maior nosso número, maior nossa força”), o vídeo foi acusado de perder o tato no tratamento que escolheu dar aos estrangeiros, além de mandar uma mensagem política muito clara: BRICS e UE não são aliados.

A comissão da União Europeia se explicou dizendo que “o vídeo mostra personagens típicos de gêneros de artes marciais: kung fu, capoeira e kalaripayattu; ele começa com uma demonstração da habilidade deles e termina com todos os personagens mostrando seu respeito mútuo, em uma posição de paz e harmonia”.

Muito irônico para quem no momento, sofre uma das maiores crises econômicas da história, não só por um país. O que Espanha, Portugal e Grécia teriam a comentar? A Europa em crise perdeu a sua racionalidade.

Vi no Exame.com

O dia em que o Migre.me parou

O encurtador de URLs mais famoso do país e 100% brasileiro ficou offline após uma transferência de servidor que deveria ter sido concluída em meia hora, na madrugada do dia 31 de agosto. Mas o tiro saiu pela culatra. Criado em 2009, o Migre.me já contabilizou mais de 10 milhões de usuários.

A empresa que hospedava o Migre.me  colocou os arquivos e o seu backup em uma mesma máquina, e agora eles estão tentando recuperar os dados. Como se você fizesse um backup de arquivos (que você não quer perder, óbvio) de um pc, para este mesmo pc. Ou seja, em bom português, se o computador der pau, você está fudido.

O criador do Migre.me, Jonny Ken, publicou um vídeo explicando o que aconteceu com o encurtador e se mostrou muito emocionado. Fiquei com dó. Ele até chorou…

Abaixo ken até faz piada e agradece o aopio dos internautas. O Migre.me está a salvo!

Aos poucos Jonny e sua equipe estão reparando os danos e informando os usuários através do Twitter. Mas a boa notícia é que já foi recuperado uma boa parte dos arquivos e o Migre.me está online novamente! rs