[#GoNordic] Meu guia para fazer amigos na Noruega #fail

ENGLISH BELLOW

NORSK 

Não é um segredo que os noruegueses são pessoas extremamente privadas.

Ao contrário dos brasileiros, eles são mais contidos e raramente iniciam uma conversa por conta própria. Mas, como dizemos no Brasil: “Eu sou brasileira e não desisto nunca.”

Eu fui para uma das opções Restaurante Day em Oslo, na Mesh, o espaço coworking mais cool da cidade. Decidi primeiro porque eu sou uma grande fã de comida espanhola, outra porque eu estou familiarizado com a Mesh, já que eu sou voluntária no CreativeMornings Oslo. Mesh é o lugar perfeito para conhecer pessoas legais e agradáveis. Você pode ir para o Café, ou, nos fins de semana, para uma cerveja no Seeds. Foi o primeiro lugar que eu vim quando me mudei para a Noruega e onde conheci a primeira pessoa que hoje, com muito orgulho eu chamo de amiga, a Krizsti.

A primeira coisa a fazer amigo na minha opinião é sempre ser você mesmo. Como eu disse em outro post, eu sou expansivo, eu falo muito, e eu tocar as pessoas. Aqui eu fiquei tímido, mas eu sou o mesmo, eu apenas tocar menos e estou um pouco cuidadoso quando eu falar com alguém.

Eu acho que às vezes eu afasto as pessoas, porque eu sou muito, como posso dizer, brasileira. Chego a ser histérica. Eu adoro abraçar, beijo na bochecha. Eu me seguro muito aqui, me adaptei aos costumes: cultura é algo que eu respeito muito e, onde quer que eu vá, eu tento seguir as normas. Obviamente os meus amigos gostam de mim do jeito que eu sou. Mas é bem diferente, eu aprendi a ser mais reservada, falar menos (!!!!!!!) e dou menos beijos nas bochechas alheias haha

Eu ainda tenho problemas para parar noruegueses e convidar para uma sessão de Jazz, como era a minha missão. Fui sozinha e passei um tempo lá, bebi uma Coca-Cola, pensando por que é tão difícil para mim fazer isso acontecer na Noruega.

Meu desafio Expedia do dia foi conhecer noruegueses e convidá-los para uma sessão de Jazz incrível que acontece todos os domingos, e tem entrada gratuita.

Eu falhei. Eu não fiz amizade com nenhum norueguês, mas eu conheci uma garota brasileira que acabou de se mudar para Oslo para ser diplomata na Embaixada do Brasil, a Cris. Além disso, eu estive com a minha amiga Sasha e Roger, da Rússia e Suécia. E também Alex, um fotógrafo espanhol de Valência, que agora vive aqui, preparou um delicioso e perfeito menu para o festival.

 

My guide to befriending introverted and private Norwegians

Is not a secret that Norwegian people are extremely private people.

Unlike the Brazilians, they are more contained and rarely start a conversation on their own. But as we say in Brazil: “I am Brazilian and I never give up.”

I went for one of the Restaurant Day options in Oslo, at the coworking space Mesh. I decided first because I’m a huge Spanish food fan, other because I’m familiar to Mesh, since I’m volunteer with Creative Mornings in Oslo. Mesh is the perfect place to meet cool and nice people. You can go to the Café, or, on weekends, for a beer at Seeds. Was the first place I came when I moved to Norway and where I met the first person that today I proudly call friend.

The first thing to make friend in my opinion is always to be yourself. Like I said in another post, I am expansive, I talk a lot, and I touch people. Here I became shy, but I’m the same, I just touch less and im a bit careful while I talk to someone.

I guess sometimes I turn away people because I am very, how can I say, Brazillian. I love to hug, I kiss on the cheek. I hold myself a lot here, I try to adapt to the customs, culture is something that I respect quite a lot and, wherever I am, I try to follow the standards that are imposed. The people I’m friend here likes me the way I’m. I still have problems to stop people and invite than for a Jazz Session, how was my mission today. I went alone and spent a while there, drinking a Coca-Cola, thinking why it is so hard for me to make it happen in Norway.

My Expedia challenge of the day was to befriend Norwegians and invite them for an amazing Jazz session that happens every sunday and has free entrance.

Challenge failed. I couldn’t befriend to any new Norwegian, but I met a Brazilian girl who just moved to Oslo to be Diplomat at the Brazilian Embassy. In addition, I enjoyed with Sasha and Roger, form Russia and Sweden. Alex, a Spanish photographer from Valencia, who now lives at the city cooked a delicious and perfect spansk meal for the festival.

 


140838119693803800_thumb

140838121047986500_thumb

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s