O advento das ações de guerilha das cias áereas nas redes sociais

Como as cias áereas brasileiras perdem tempo não abusando das redes Sociais….

Se bem que nos últimos meses acompanhei uma ação promocional da Gol que de certa forma mobilizou o Twitter. A cia sorteou convites para o show da banda americana Black eyed Peas em todos os estados o qual eles passaram, e, para a melhor frase que respondesse a pergunta proposta, ingresso para o show em São Paulo, hospedagem e passagem áerea. Legalzinho. Inho.

Escrevi aqui sobre a KLM Surprise. Em, breve escrevo sobre a ação das tags promocionais, estava esperando a minha chegar, como chegou, é sinal de que funciona.

O Brasil é o país onde as redes sociais mais se destacam e atraem fãs. Só no Twitter, os brasileiros são a segunda maior população do microblog, correspondendo a 8,7% de seu total de usuários. Na frente aparecem os americanos, e, na terceira posição, os ingleses. Prato cheio para as áereas (e outros segmentos, óbvio) aproveitarem essa fatia e cairem com um marketing de guerrilha…

KLM e Lufthansa nas redes sociais

… E as ações de guerrilha chegaram com força total ao Facebook… Minha vida lá se resume a um perfil com muitos amigos feitos durante algumas viagens e monitoramento, principalmente em busca de novidades tecnológicas e áereas (quem me conhece sabe que eu sou fanática por aviação).

Em uma dessas buscas encontrei algumas promoções na KLM e Lufthansa. Na primeira, a opção de criar tags (lindas) personalizadas para sua mala e trechos gratuitos através de um hotsite e na segunda, que e chamou a atenção, um jogo interativo com o tema Oktoberfest e depois, ao alcançarem 100.000 fãs no facebook, um joguinho em que você tentava a sorte e poderia ganhar malas, milhas e ipods personalizados. Eu joguei, ganhei, mas não fui selecionada para receber o kit de malas maravilhoso da alemã Kimowa.

Para comemorar os 200 anos da festa da cerveja Oktoberfest que acontece em Munique, a Lufthansa fez uma promoção no facebook, em que ao acessar a page fan da cia aérea ou um hot site,  os usuários encontravam três diferentes partes: os jogos, a tenda e o Foursquare, com dicas para curtir a festa na cidade Alemã. Para concorrer a passagens aéreas e malas Rimowa, bastava jogar e “acumular” pontos.

Lufthansa Oktoberfest

Você podia convidar os amigos  para sentarem junto a você em uma mesa virtual do game, e quem reunisse seis amigos, ganhava um voucher de 20 euros para usar na compra de passagens aéreas na Lufthansa. Pelo Foursquare,  o internatua que desbloqueasse a badge Oktoberfest ou Lufthansa também ganhava o voucher de 20 euros, a aprtir de um código enviado pela cia por email.

O jogo Lufhtansa Oktoberfest era muito chato. Eu não conseguia terminar nenhuma das opções. Uma lástima. Perdi noites jogando o danado para ver se conseguia algo. Passei da pesquisa ao vício. Depois de praticamente um mês jogando dia (durante o trabalho) e noite (em casa), desisti quando vi em uma aba da fan page da cia áerea alguns membros com 140.000 pontos e eu com meus míseros 15.000.

A surpresa veio quando uma amiga me ligou e disse: “Poly, checa meu email e vê um spam da Lufthansa, disseram que ganhamos passagens pra Europa“. Na hora comecei a rir – como seria possível? Chequei o email e vi que não era um spam. Eu custo a acreditar nas coisas: liguei pro call center em SP, Alemanha, enviei tuites e tentei contato pelo facebook. Até que pelo Twitter me responderam que sim, eu havíamos ganhado 2 passagens de ida-volta para a Europa. Chiquérrimo!

Ainda no clima da Oktoberfest, a cia inova todos os anos e veste a tripulação  – de pilotos aos comissários – com roupas típicas alemãs. Um charme para quem tem que passar 14 horas ou mais dentro de um avião.  Assim, nos voos Lufthansa de Munique para Denver, São Paulo e Pequim, as comissárias de bordo serviram os passageiros usando o vestido típico bávaro “Blaudruck Dirndl“, e os comissários envergando o fato regional bávaro.

Essa ação gerou buzz. fez barulho. Muito barulho. Uma salva de palmas pra equipe da Lufthansa.

Com calma volto a escrever sobre o último Case da Lufthansa, o Club Ren, que aconteceu do dia 06 até o dia 24 de dezembro passado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s