Dunga maltrata a imprensa e quem leva o pato é a Globo

Incrível como uns 80% das pessoas veem a Globo como uma TV sensacionalista. Pelo Twitter ontem então, a Globo foi e é a vilã. Sempre.

No meio da faculdade peguei o famoso “Espreme que sai sangue”, de Danilo Agrimani para ler. Leitura obrigatória para todo jornalista. Explica o que é como agem as mídias sensacionalistas. Leia a parte I- Sensacionalismo na Comunicação.

Agora pergunto: Porque você acha que a Globo é sensacionalista?

Dunga x Rede Globo

O técnico do time brasileiro proibiu a presença da imprensa nos treinamentos, o que resultou em uma verdadeira guerra entre os jornalistas contra o comandante da Seleção. Guerra Fria.

Um recente episódio foi o fato do Dunga negar que o jogador Gilberto Silva sentiu dores no joelho em plena coletiva, e o jogador desmentir o treinador, dizendo que sim.

Os palavrões pronunciados pelo técnico brasileiro na entrevista coletiva após a vitória de 3 a 1 do Brasil sobre a Costa do Marfim serão avaliados, de acordo com o jornal Folha de S. Paulo. Segundo o site do jornal, o porta-voz da Fifa, Nicolas Maingont, afirmou que “ainda não sabe de nada, que é a primeira vez que ele escuta tantos palavrões numa entrevista e que vai acompanhar o caso”.

Após afirmar que a “Globo se preocupa com a verdade e em transmitir a melhor informação”, Tadeu Schmidt chegou ao topo dos Trending Topics do Twitter, com o “Cala Boca Tadeu Schmidt”. Prova de que o brasileiro quer estar na crista da onda, independente de como.

O texto na íntegra: “O técnico Dunga, no comando da seleção há quase quatro anos, não apresenta nas entrevistas comportamento compatível com a imagem de alguém tão vitorioso no esporte. Com frequência usa frases grosseiras e irônicas. Hoje depois de uma vitória incontestável mais uma vez foi assim.”

Obviamente leu-se isso de quem odeia a Rede Globo, por achar que é um canal sensacionalista. Mas quem acompanhou a coletiva do técnico Dunga, ao vivo, nos canais Espn Brasil ou Sportv, pode perceber que os palavrões vazaram no sistema de som. Não era necessário um surdo-mudo para fazer a leitura-labial. Faltou respeitou não só com os jornalista, mas também com o telespectador. A torcida brasileira não te culpa da raiva de Dunga com a imprensa do país. Faltou separar as coisas.

Dunga  trata a imprensa como se estivesse fazendo um favor aos repórteres ao dar entrevistas. E assim os repórteres estariam fazendo um favor ao informar um país considerado o do “futebol”. Não é de hoje que o Dunga trata mal a imprensa e ao mesmo tempo a grande parte da imprensa contesta o trabalho dele.  Mais grosso e mal educado que ele só o Muricy. Só que o Muricy chega a ser hilário. Virou parte do seu personagem a falta de educação. E o Dunga?

As pessoas falam da “imprensa”, da “Rede Globo” e esquecem que os jornalistas que estão lá são só pessoas, que merecem respeito enquanto estão trabalhando.

obs: O título é proposital, não foi um erro. A Globo levou o pato. A fama de má e sensacionalista.

Anúncios

5 comentários sobre “Dunga maltrata a imprensa e quem leva o pato é a Globo

  1. Polynna, o título correto deveria ser “quem paga o pato” e não quem leva o pato.
    Acho que você está mal informada quando diz que a maioria diz que a Globo é sensacionalista. Qualquer pessoa minimamente informada reconhece que a Record, SBT e Bandeirantes são mais sensacionalistas que a Globo. A grande queixa contra a Globo não é essa e sim o domínio que ela exerce em todos os segmentos, por sua indiscutível liderança de audiência e consequente poder econômico. Com a Seleção Brasileira não é diferente. A Globo sempre esteve acostumada a tratar a Seleção e comissão técnica como se fosse parte da sua folha de pagamento. Isto sempre lhe redeu entrevistas exclusivas, acesso irrestrito, participações de atletas em seus programs, etc… O tratamento à Rede Globo sempre foi diferenciado. O outros veículos de comunição jamais conseguiram igualdade de condições. O Dunga teve peito pra colocar a imprensa como uma todo no mesmo nível. Tomou a decisão de isolar o grupo e não faz concessões. Isso irritou profundamente a poderosa Rede Globo, que deve estar fazendo uma pressão enorme no senhor Ricardo Teixeira, que é um bandido e que tem muitos interesses em comum a emissora. Discordo da maneira truculenta do Dunga. Mas admiro sua coragem e coerência.
    Não coloquei meu e-mail verdadeiro porque não sei onde isso vai parar. Não espero resposta sua. Se você ler eu já fico satisfeito.
    Um abraço,
    Carlos

  2. Amigo “Carlos”,
    primeiro obrigada pelo comentário.

    Agora te respondendo: o título é proposital. A Globo levou o pato. Sim. Porque como escrevi, a culpa (na cabeça do povo) é da Globo. Eu não disse que a Globo é sensacionalista, ao contrário. Que a empresa tem dinheiro não é novidade, e todos nós sabemos disso. Mercado, concorrência é isso, salve-se quem puder e quem tiver dinheiro. Quem souber levar a população o que ela gosta, vence, sai no lucro. Essa é a verdade.

    O Dunga não tem peito. Ele estourou. Perdeu a cabeça.
    Vamos aos fatos: o problema entre o Dunga e a imprensa vem desde a Copa da Itália em 90. A seleção era toda ruim, mas ficou marcada como a selação da “Era Dunga”. Era um time truncado e que jogava um futebol feio e pouco eficiente. O fato é que o Dunga nunca engoliu o fato de ser crucificado pelo fracasso brasileiro de 90 e, principalmente, de ter sido usado como o “rótulo” daquele time horroso.O desabafo dele, em 94, ao levantar o troféu de campeão da Copa dos EUA, já era uma resposta às críticas anteriores. Ah, não podemos esquecer da cabeçada que ele deu no Bebeto..

    Se ele quer mostrar indignação, que mostre em campo. Não do do modo como aconteceu.

    Abraços e volte sempre!
    Sobre o nome não tem problema, pelo IP te localizei. Jornalistas são curiosos =)

  3. Eu não assisto a rede Globo desde 2006 após a vexatória campanha do Brasil na Copa da Alemanha e dos momentos risíveis e por vezes vergonhosos pelos quais a seleção passou em sua preparação na Suíça – treinos virando espetáculos circenses, groupies invadindo o campo para beijar os jogadores, exclusividade da Rede Globo em entrevistas para o Jornal Nacional etc. Fiquei cansado dessa patifaria.
    Não acho que a Globo seja sensacionalista.
    E numa boa: 80% não tem opinião formada sobre ser ou não sensacionalista.
    Acho sim que a programação do canal em questão é PÉSSIMA (ou era até quando assistia), privilegia X e Y que lhe interessa, seus programas compensam o asquerosos conteúdo com apuro técnico irretocável e inegável.
    Acho que Dnga foi sim grosseiro, bestial, etc com o jornalista Alex Escobar do Sportv/Globo mas não vi uma nítida invesstida contra a emissora neste caso. Foi a grosseria de um homem ressentido, que vive na defensia mas que isso condiz sim com sua posição quando jogador: a de volante de marcação, de defender…
    E acho sim que isso vai ser interessante até o próxima celebridade sair nua numa revista masculina, log vira limbo.

  4. Polyanna,

    Não vejo como uma mega empresa como a Globo pode ser tachada como vítima em qualquer situação, até mesmo pq é líder de audiência e pode “manipular” qualquer tipo de informação. E ela o faz, a muito tempo, basta rever fatos como a resposta de Brizola a rede Globo durante a campanha presidencial de 89.
    Não sou um defensor de agressões, sejam elas quais forem, mas pessoas com atitude me interessam. E não podemos de forma alguma julgar Dunga como uma pessoa sem atitude. Diferentemente de muito do que se vê por esse país ele transformou durante sua vida todas as agressões que recebia em força para ganhar novos desafios. A imprensa, ou setores dela, como a mesma não gosta de generalizações, têm pautado suas matérias a muito tempo em agressões ao técnico, e já há informações que as agressões verbais desferidas por ele seriam ocasionadas mais uma vez por essas agressões. Desde pequeno minha mãe sempre me falou, “quando um burro fala, outro abaixa as orelhas”, o Escobar não baixou, e foi indagado por tal fato, e isto é fato, o mesmo se absteve, ou meu ver de forma covarde, e foi disso que Dunga o chamou, no lugar certo, não, mas é fato que de uma forma ou outra o técnico foi confrontado antes de agredir verbalmente o jornalista.
    A verdade é uma só, nenhuma outra profissão é tão corporativista como jornalismo, pois todas as pesquisas indicam que Dunga fez certo no caso em questão.

    Abraço.

  5. Zazi, quando eu escrevi o texto, na segunda, metade dos fatos apareceram depois e explicaram muita coisa.
    Por exemplo, o fato da Globo ter tentado exclusivas com os jogadores e o Dunga ter vetado. Foi por isso, de certo que o Dunga fez o que fez.
    Não puxo sardinha pra Globo, muito menos pro Dunga, acho que ele fez errado sim, estorou, passou do limite, como líder que é, deveria ter segurado as pontas. Milhões de pessoas assistiram a coletiva que não precisavam ter ouvido os palavrões, etc. Mas falo pelo lado do profissional. Que está lá trabalhando a mando da empresa e quer conseguir informações para transmitir à população brasileira é o jornalista. Muitos profissionais tem reclamado da posição do Dunga com a imprensa. Não só Globo. Espn, Band, Rádio Itatiaia, Rádio Eldorado Espn. Isso que eu li pelo twitter.
    Vai saber se não tem outros por aí…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s